Palco Fronteiras debate tecnologia, inovação e psicanálise

Postado em mai. de 2022

Psicologia e Saúde Mental | Futuro e Tendências Globais | Internet e Redes Sociais

Palco Fronteiras debate tecnologia, inovação e psicanálise

Evento on-line e gratuito terá edições nos meses de maio e junho e reunirá especialistas nos temas como Christian Dunker, Maria Homem, Martha Gabriel e Ronaldo Lemos, além do curador Fernando Schüler.


Evento promovido pelo Fronteiras do Pensamento em sua plataforma on-line, o Palco Fronteiras abre a Temporada 2022, que abordará o tema Tecnologias para a vida. O Palco Fronteiras terá duas edições, nos dias 18 de maio e 20 de junho, a partir das 20 horas, e promoverá dois debates: Tecnologia e inovação e Tecnologia e psicanálise. A inscrição é gratuita pelo fronteiras.com.

A primeira edição do Palco Fronteiras, no dia 18 de maio, às 20 horas, promoverá o debate sobre tecnologia e inovação e contará com a presença dos especialistas Martha Gabriel e Ronaldo Lemos e do curador do Fronteiras do Pensamento Fernando Schüler. A mediação será de Adriana Couto, jornalista, apresentadora do programa Metrópolis da TV Cultura. 

O debate parte do cenário em que a rápida mutação tecnológica é o grande fato da vida contemporânea, e essa revolução vai transformar ainda mais a nossa vida nos próximos 30 anos. Ingressamos em uma época em que a mudança ganha muita velocidade: mais do que inventar do zero, precisamos inovar, ou seja, melhorar os negócios - e a vida - a todo momento. O pensamento inovador até pode ser lento, gradual e muitas vezes coletivo, mas requer planejamento e metodologias ágeis em um cenário fragmentado e diverso. Por isso será importante debater sobre as tecnologias e a inovação.

Garanta sua vaga aqui e conheça os conferencistas:

 

 

 

Martha Gabriel é Professora de Inteligência Artificial na PUC-SP e professora visitante no Insper. É mestre e doutora em Artes pela ECA-USP, com graduação em engenheira civil e especializações em design gráfico, marketing e comunicação, além de formação executiva no MIT Sloan School of Management. Reconhecida como uma das pensadoras digitais mais influentes do Brasil, é embaixadora da ONG Geek Girls LatAm e é futurista pelo Institute For The Future (IFTF), Estados Unidos. Autora dos best-sellers Marketing na Era Digital e Educ@r: a (r)evolução digital na educação.



 

 


Ronaldo Lemos é Professor de Direito da UERJ e da Universidade Tsinghua, na China, com passagens por renomadas instituições como Columbia, Princeton, Oxford e Massachusetts Institute of Technology (MIT). É mestre e doutor em Direito pela Universidade de Harvard e pela USP, e participou de todas as regulamentações fundamentais para a tecnologia no Brasil e no mundo, como o Marco Civil da Internet e a Lei Geral de Proteção de Dados – além de ser o único membro brasileiro do recém-criado Conselho de Supervisão do Facebook. Colunista do jornal Folha de S. Paulo e da revista Trip, apresenta a premiada série Expresso Futuro.

 

 

 



Fernando Schüler  é Curador do Fronteiras do Pensamento, é doutor em Filosofia e mestre em Ciências Políticas pela UFRGS, e Ph.D. pela Universidade de Columbia, onde foi professor visitante. Articulista e comentarista frequente nos veículos de imprensa, escreve para o jornal Folha de S. Paulo, a revista Veja e a rede BandNews. É professor do Insper e consultor de empresas e organizações civis nas áreas de Cultura, Ciências Políticas, Gestão e Terceiro Setor.

 

O segundo debate acontecerá no dia 20 de junho, às 20h, e promoverá uma discussão sobre tecnologias e psicanálise. Terá a presença dos psicanalistas Christian Dunker e Maria Homem com a mediação de Adriana Couto. A discussão parte da convergência inegável entre robótica, digitalidade e inteligência artificial, que encontra todos os dias soluções empolgantes para problemas mundanos, mas sobre a qual paira a necessária crítica quanto ao seu impacto na saúde, na mente e na sociabilidade humanas. Talvez em nenhum momento de nossa história foi tão importante falar sobre empatia, alteridade e espiritualidade diante da angústia contemporânea, da fragmentação do sujeito e da busca por novas identidades. Por isso é importante debater sobre as tecnologias e a psicanálise.

Conheça os participantes e garanta sua participação aqui!



Christian Dunker é um dos psicanalistas mais respeitados do País. Recebeu o prêmio Jabuti por Estrutura e constituição da clínica psicanalítica. Alcançou o grande público com o ensaio Mal-estar, sofrimento e sintoma, também premiado com o Jabuti, e participações na imprensa para as revistas Cult e Mente e Cérebro. É o psicanalista mais lido, assistido e ouvido do Brasil com o podcast Falando nisso mesmo, pelo canal no YouTube. Suas obras mais recentes são O palhaço e o psicanalista – Uma biografia da depressão e Lacan e a democracia. É Doutor em psicologia pela USP com pós-doutorado na MMU, Estados Unidos, coordena o Laboratório de Teoria Social, Filosofia e Psicanálise (Latesfip-USP).


Maria Homem é Psicanalista clínica, uma das intelectuais públicas mais lidas e vistas do País, autora de Coisa de menina? e Lupa da alma. Escreve para o jornal Folha de S. Paulo e acumula mais de 200 mil seguidores no seu canal do YouTube, nos quais aborda questões contemporâneas como gênero, sexualidade, vida digital e diversidade. É psicóloga, doutora em letras e pesquisadora pela USP, mestre em psicanálise pela Universidade de Paris VIII e professora da FAAP há mais de duas décadas.

 

Compartilhe