Postado em ago. de 2016

Ciência | Arte | Psicologia e Saúde Mental

Libido e criatividade: mito ou fato?

Paul Bloom, psicólogo canadense, reflete sobre a hipótese de que refrear a libido poderia colaborar em processos criativos.


Paul Bloom, psicólogo canadense, reflete sobre a hipótese de que refrear a libido poderia colaborar em processos criativos. Quanto menos sexo, mais arte? Bloom analisa a questão. Conferencista do Fronteiras do Pensamento 2014.

Fronteiras do Pensamento | Produção Telos Cultural | Produção Audiovisual Okna Produções | Documentário Uma Certa Felicidade | Direção Pedro Isaias Lucas | Edição Alfredo Barros | Direção de Produção Gina O'Donnell | Tradução Marina Waquil e Francesco Settineri

Compartilhe


Paul Bloom

Paul Bloom

Psicólogo

Psicólogo canadense Ph.D em psicologia cognitiva pelo MIT e destacado professor de Psicologia e Ciência Cognitiva em Yale.
Ver Bio completa